Hotel Pousada Natureza | Morro de São Paulo Bahia Brasil                                                                           Morro de São Paulo
Compartilhar: 
Morro de São Paulo
Viver o Universo Natureza é uma experiência única.

Meio Ambiente

Área de Proteção Ambiental – APA Ilhas de Tinharé-Boipeba

A Área de Proteção Ambiental - APA Ilhas de Tinharé/Boipeba - criada pelo Decreto Estadual n°. 1.240, de 05/06/1992, localiza-se no litoral sul do Estado da Bahia entre a Ponta do Curral e a Costa do Dendê, abrangendo o Município de Cairu, com uma área total de 43.300ha.  A razão de sua criação, foi a presença de ecossistemas de grande interesse ambiental, com extensos manguezais e belas praias desertas, além de um litoral recortado com morros, barras e recifes. O crescente movimento turístico no local favoreceu também a sua criação.

Características Ambientais Gerais
A região apresenta um rico sistema estuarino, com manguezais de grande potencial pesqueiro, associado à importantes remanescentes da Mata atlântica e rios navegáveis formando um complexo que abriga muitas espécies da fauna e da flora. Locais como Morro de São Paulo, Boipeba, Gamboa e Garapuá, sofrem com a grande demanda turística, por estarem em área de fácil acesso, via fluvial ou marítima, essa preocupação em corrigir problemas como o saneamento e o ordenamento do solo, está ligado à elevada fragilidade ambiental do local. As praias paradisíacas são as grandes atrações da região.

Aspectos Bióticos

A Flora
O manguezal apresenta vasta distribuição geográfica no local, apresentando plantas de porte arbustivo e arbóreo, um exemplo de espécie que encontramos nesse tipo de ecossistema é o algodão-do-mangue (Hibiscus pernambucensis). A restinga apresenta espécies com grande capacidade de sobrevivência, pois apresenta solo muito pobre em nutriente. Vegetação de dunas, de áreas úmidas, de várzeas e Mata Ciliar também constituem o tipo florístico da região. A Mata Ombrófila Densa, que se mantém sempre verde, e têm grande participação na umidade do ar da região, espécies como o Pau-d'arco (Tabebuia sp.) que apresenta valor econômico no local.

A Fauna
Dentre os indivíduos da macrofauna encontradas nos habitats observados, a avifauna é a mais representativas, pelo número de espécies e o número de indivíduos, inclusive a presença de espécies em vias de extinção, como o Curió (Oryzoborus angolensis) que é muito explorado pelo homem, por possuir canto muito bonito. Se faz presente, também, muitas espécies de répteis, mamíferos, peixes que compõe a economia local, além de diversos tipos de invertebrados como os crustáceos.

Comunidades
A APA Ilhas de Tinharé/Boipeba compreende duas ilhas (Tinharé e Boipeba). Os distritos que compõe as ilhas são: Galeão e Gamboa, na Ilha de Tinharé, e Velha Boipeba, na Ilha de Boipeba. Além das sedes distritais, destacam-se vilas como Morro de São Paulo, Garapuá, Cova da Onça, Moreré e Canavieiras. A renda da população local é fundamentada no turismo e na pesca de peixes e camarão, além da mariscagem, da cultura do coco, da piaçava e do dendê. Algumas famílias ainda vivem da agricultura de subsistência.

Conflitos Ambientais
Um problema sério enfrentado na APA é a falta de saneamento, com o crescimento do turismo, aumenta a necessidade de grandes reformas. As conseqüências da falta de saneamento são o comprometimento dos recursos hídricos locais, assim como alterações em espécies de animais e plantas. Além de lançamento de esgotos domésticos, a alteração das margens dos rios e estuários, que prejudicam o ecossistema existente. Vários desses problemas estão caracterizados como crime ambiental.

Zoneamento
O zoneamento é dividido em quatro categorias, a partir das características dos meios físicos, bióticos e antrópicos.

  • A Categoria Preservação, que engloba a Zona de Proteção Rigorosa - ZPR e ZPVS: Zona de Proteção da Vida Silvestre, é um tipo de categoria onde são mínimas as interferências humanas.

  • A Categoria Conservação engloba a Zona de Manejo Especial: ZME, Zona de Orla Marítima: ZOM, Zona de Proteção Visual: ZPV, Zona de Proteção Visual Especial: ZPV (E), Zona de Ocupação Rarefeita: ZOR, Zona de Urbanização Restrita: ZUR, Zona Extrativa Vegetal: ZEV e Zona Extrativa Animal: ZEA, essas zonas de conservação apresentam alguma influência antrópica sendo que cada uma apresenta seus próprios usos e recomendações.

  • A Categoria Uso engloba a Zona Turística: ZT, a Zona Turística Especial: ZT(E), a Zona de Urbanização Controlada: ZUC, Zona de Expansão ( I ): ZEP(I), Zona de Expansão (II): ZEP (II) e a Zona Agrícola: ZAG, essas são zonas destinadas ao desenvolvimento econômico do local, mas cada uma com o tipo de uso permitido.

  • A Categoria Recuperação, apresentando a Zona de Recuperação Ambiental: ZRA, destinada exclusivamente à recuperação de área degradada.
    É importante para o empreendedor, pesquisador ou entidades ligadas ao turismo, estarem cientes da existência dessas normas, para que estejam de acordo com a Lei, evitando crimes ambientais.

 

 
Hotel Pousada Natureza - Morro de São Paulo
Boutique Gourmet Espaço Zen & Clube de Vela Esportes Náuticos
Vila de Morro de São Paulo – Bahia - Brasil
t.: (55) (75) 3652 1044 f.: (55) (75) 3652 1361
e: contato@hotelnatureza.com